Setor de Projetos

Desde o ano de 2005 a Santa Casa de Pelotas busca formas de captação de recursos, a fim de aprimorar os serviços prestados. Mas foi no ano de 2014 que o Setor de Projetos foi criado oficialmente, no qual está se desenvolvendo até os dias atuais.

O setor de Projetos está voltado para captar recursos das mais diversas formas possíveis, a fim de ajudar na manutenção da Instituição, aprimorar os laços com a comunidade em geral e desenvolver ações de qualificação da saúde da Região Sul.

Ao longo desse período, a Santa Casa já recebeu, por intermédio de projetos, mais de R$ 7 milhões, os quais foram investidos em reformas, materiais hospitalares de uso único e aquisição de equipamentos, realizando-se ao final as devidas prestações de contas aprovadas pelos respectivos órgãos e apoiadores.

CAPTAÇÃO DE RECURSOS NOTA FISCAL GAÚCHA

 Nota Fiscal Gaúcha é um programa que, por meio da distribuição de prêmios, visa incentivar os cidadãos a solicitar a inclusão do CPF na emissão do documento fiscal no ato de suas compras, bem como, conscientizá-los sobre a importância social do tributo.

Através do Programa, os cidadãos concorrem a prêmios de até R$ 1 milhão, as entidades sociais por eles indicadas são beneficiadas por repasses e as empresas participantes reforçam sua responsabilidade social com o Estado e a sociedade gaúcha.

TROCO SOLIDÁRIO

Parceria realizada com empresas da cidade de Pelotas, com intuito de fazer com que a população deixe seu troco originado de suas compras, oportunizando o desenvolvimento de ações voltadas para manutenção do Sistema Único de Saúde (SUS).

EMENDAS PARLAMENTARES

As emendas parlamentares retratam a ocasião na qual os representantes do Poder Legislativo tentam “reservar” uma parcela dentro da Lei Orçamentária Anual, com o intuito de desenvolvimento de áreas prioritárias.

A ideia é que os parlamentares “emendem” a proposta orçamentária para o ano seguinte, alterando de acordo com as necessidades dos municípios e regiões. 

LEIS DE INCENTIVO FISCAL

Essas leis configuram uma espécie de renúncia fiscal, onde o governo deixa de arrecadar parte dos tributos, para que estes sejam destinados a entidades ou a projetos sociais.

A Santa Casa de Pelotas busca a captação de recursos através do PRONON – Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica e FUNDICA – Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente.

PARTICIPAÇÃO POPULAR – CONSULTA POPULAR

Desde 1998 o Estado do Rio Grande do Sul instituiu, através da Lei nº 11.179, que a população define diretamente parte dos investimentos e serviços que constarão no orçamento do Estado. Esse processo foi denominado de Consulta Popular.

Anualmente o Governo do Rio Grande do Sul fixa o valor submetido à deliberação da população. Este valor é distribuído entre as 28 Regiões do Estado, de acordo com critérios como a população de cada região e o Índice de Desenvolvimento Socioeconômico (IDESE).

JUSTIÇA FEDERAL – TRF4 E MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO DA 4ª REGIÃO

A Santa Casa de Pelotas apresenta projetos a fim de submeter aos editais da Justiça Federal recebendo recursos de Processos Administrativos de Destinação de Valores, e ainda apresenta projetos ao Ministério Público do trabalho para captar recursos através de Termos de Aditamento de Conduta.

FUNDO SOCIAL SICREDI ZONA SUL

Tem o objetivo de contribuir para o desenvolvimento social das comunidades, bem como, promover os valores de cooperação e cidadania e apoiar projetos sociais.

DOAÇÃO DE PESSOA FÍSICA

O Hospital tem o apoio diário da comunidade de Pelotas e Região Sul, através de doações de materiais de uso único e equipamentos de grande utilidade para nossa instituição, além disso, recebe doações em espécie.

AJUDE A SALVAR VIDAS – SEJA UM DOADOR

Conta Corrente de Projetos e Doações

BANRISUL

Agência: 0320
Conta: 06.048.279.0-1 

BANCO DO BRASIL

Agência: 3418-5
Conta: 4038-X variação 51 – Conta Poupança.

Contamos com sua ajuda para aprimorar os serviços prestados à comunidade de Pelotas e região!