É coisa de outro mundo

1024 768 Santa Casa de Misericórdia de Pelotas

 

 

A Santa Casa de Pelotas é a Instituição Hospitalar mais antiga de Pelotas. Com mais de 170 anos, o Hospital presta maior parte dos serviços através do Sistema Único de Saúde (SUS).

Como grande parcela dos hospitais filantrópicos, a Santa Casa também enfrenta as dificuldades recorrentes da situação atual da saúde pública, no Brasil. Porém, nos últimos anos, a Instituição tem buscado formas de reestruturação administrativa para recuperar as crises financeiras. E mesmo com todo o esforço e empenho dedicado, há muita coisa para se fazer.

Foi em meio a esse cenário que apareceu Julio Moura, despretensioso, sem segundas intenções e, principalmente, carregado de muita empatia e amor. O que este homem faz é coisa de outro mundo, você vai entender.

Infelizmente fazer o bem e importar-se com o próximo tornou-se algo fora do normal. Deveria ser hábito comum do cotidiano.

Julio tem buscado incessantemente externar esses sentimentos. Um dos palcos que ele escolheu para ensinar ao mundo como ser um bom ser humano, foi a Santa Casa de Pelotas.

Pensionista Vitalício da Polícia Federal dedicou seu tempo para reformar diversas alas do hospital. Dentre elas estão: Ambulatório, São Paulo, Laboratório, Bom Conselho, Traumatologia (interno e externo), corredor do CDI e corredor principal. Julio utiliza mais de 70% do seu salário para realizar estas ações e investir em materiais e mão de obra. E por falar nisso, basta perguntar para as equipes noturnas da Santa Casa se não o viram trabalhando até tarde. Sim, ele mesmo “coloca a mão na massa”. Não tem hora, dia e nem tempo ruim. O que ele faz é “coisa de outro mundo”.

Perguntado algumas vezes sobre qual a sua motivação para agir assim, ele comenta que não consegue deixar de ser solidário ao ver as pessoas enfermas sobre os leitos, “me corta o coração”, diz ele. Seus recursos são aplicados em alas que atendem pelo SUS, que notoriamente, são estruturas que sofrem por terem mais carências. Citadas as alas reformadas, acima, uma delas recebia pacientes particulares (Bom Conselho), mas a partir da reforma efetuada por Julio, passará a internar pacientes SUS.

Com os restauros o Hospital também consegue oferecer melhores condições de hotelaria aos seus pacientes internados via SUS. Levando em consideração que o trabalho realizado pelo Julio é de alto profissionalismo. Como ele mesmo costuma questionar: por que não deixar os leitos do SUS como o Albert Einstein (Hospital)?

É possível detectar que existem muitas pessoas dispostas a ajudar. Pelotas mostrou-se uma cidade solidária com a Santa Casa nos últimos anos. Dos perfis que se identificam, há pessoas que possuem condições de ajudar, porém, não tem interesse, outras possuem interesse, mas não tem condições. Julio tem interesse, condições e disposição de trabalhar, até mesmo, 24h dentro da Instituição.

É gratificante para a Santa Casa de Pelotas saber que temos alguém tão diferenciado ao nosso lado. Quando a base da nossa história sempre foi a Misericórdia, hoje somos retribuídos com um ser que “parece vir de outro mundo”.

25 comentários
  • Caira
    RESPONDER

    Faltam palavras pra falar a esse homem (anjo) de Deus vivo.para agradecer tanto amor,carinho.por nós que precisamos usar a santa casa pelo SUS .mas cm certeza Deus te recompensa todos os dia.parabéns amigão!! Obgda de coração.

    • Daiane
      RESPONDER

      É de encher o coração de alegria e de esperança … um ser iluminado Como ele, merece nosso respeito e admiração . Que Deus lhe de muita saúde e muitos anos de vida .

  • Magda Palma
    RESPONDER

    Muitas pessoas teriam condições de ajudar . Não fazem por acomodação e ás vezes para acumular bens a quem não merece. Eu sempre penso se um dia recebesse um dinheiro grande ajudaria os hospitais e outros. Nunca recebi e já ajudo.

  • Ronaldo Mendes
    RESPONDER

    Pelo pouco que conheço e tenho contato, o Júlio é uma pessoa de luz própria. Bondoso, benevolente, cordial, amigo, parceiro, prestativo e de um coração imenso. Ah, já ia esquecendo, dono e mandatário da paciência 😁. Merece todas as homenagens que recebe e receberá. Parabéns Julio Moura. Muitas felicidades, de coração e de verdade.

  • Silvia leticia de Almeida
    RESPONDER

    EU estive hospitalizada na INSTITUIÇÃO por 34 dias…primeiramente na UCTI por 4 dias e depois mais 30 dias no quarto..desde o principio sempre tratada c muita atenção..pela equipe de enfermagem e também a equipe médica…meus sinceros agradecimentos a ENFERMEIRA CHEFE VALDIRENE , KATIA e também as outras meninas que não me recordo o nome….O João Hélio foi extraordinário comigo…foi muito interessado em descobrir o motivo dos meus Infartos…e descobriu ,posso dizer que salvou minha vida por que se tivesse me dado alta e me mandado p casa , hoje eu não estaria aqui..A Residente GEORGIA também muito querida sempre…eu depois das conclusões da equipe médica da SANTA CASA..fui transferida p FAU onde tambem fiquei por mais 33 dias e ali ..resolveram de vez o meu problema , Atendimento 100%..eu se estou viva hoje ..agradeço primeiramente a DEUS…A SANTA CASA e a FAU..que me acolheram com muito carinho e dedicação….isso é amor a camiseta..

  • Yankee
    RESPONDER

    Parabéns ao Dom Julio!!! Um SALVADOR DE MUITAS ALMAS AFLITAS E SOFREDORAD!!!

    (Ps; Cheguei a pensar que a Santa Casa de Pelotas-RS, estivesse sendo *”ASSOMBRADA”* PELO TÍTULO CHAMATIVO DESSA REPORTAGEM!!! KKKKKKKKKKK

  • Marciana Nunes Balhego
    RESPONDER

    Tive o imenso prazer de conhecê-lo, pessoa fora do comum, eu estava em um momento delicado internada na fau, detalhe também o vi no hospital são Francisco, restaurando os quartos, na fau na matermidade colou tv e ar condicionado.

  • Dr.Julian Figueroa
    RESPONDER

    Bueno, realmente este ser tiene en asimismo una fortuna que todos deberíamos tener para cambiar el mundo hacia esa dirección. Lamentablemente todos elogiados estas conductas,adoramos y nos hacemos voces de sus logros filantrópicos.PERO CUANTOS DE NOSOTROS TOMANDO EL EJEMPLO ACOMPAÑAMOS?? CUANTOS TOMAMOS EL MISMO CAMINO? O CUANTOS EN ESAS NOCHES DE ENTREGA DEL SEÑOR JULIO, NO AL HOSPITAL DE PELOTA SINO EN UN SENTIDO MAS AMPLIO Y AUSTERO AL MINDO. DANDO UN EJEMPLO QUE POR ANTONOMASIA DEBIERA SER LO CORRIENTE EN TODOS NOSOTROS? QUIZAS NO PUEDAS HACER LO MISMO CIUDADANO BRASILERO, PORQUE LE ADMIRAS PERO NO TE MOVILIZA. PERO POR LO MENOS, EN ESAS NOCHES O JORNADAS FATIGANTES DONDE JULIO COMBATE LA MORDOMIA DE TODOS LOS INCONSECUENTES QUE NO SE MOVILIZAN O NO LES MOVILIZA NADA!! ACERCARLE UM CHIMARRÃO um cafezinho o um pincele com quêm JULIO REAGE PÔR AS PESSOAS QUÊ NÃO CONHECE

  • Osmar Elias de Oliveira
    RESPONDER

    ACIMA ESTÁ ESCRITO: SEM COMENTÁRIOS. ENTENDO QUE SE HOUVESSE QUALQUER COMENTÁRIOS A RESPEITO DAS AÇÕES DESTE ANJO, CERTAMENTE QUE TERIAM QUE SER GRAFADAS COM LETRAS DE OURO E AMOR! POR ISSO, SEM COMENTÁRIOS.

  • Beatriz Helena Ferreira Marques
    RESPONDER

    Sr. Júlio Moura, parabéns ao senhor. Anjo em forma de gente. Deus te abençoe todos os dias e noites da sua visa.Exemplo que deveria ser seguido por todos, principalmente por aqueles que tem melhores condições financeiras. Um pouco de cada um, será muito para quem precisa.

  • Juliana da Cruz Ferreira
    RESPONDER

    Olá me chamo Juliana Ferreira ;

    Gostaria de parabenizar este amigo tão querido JÚLIO , para mim um anjo da Guarda , pois sou cristã, mas com certeza também vejo ele como um exemplo , um herói , um guerreiro ele simplesmente faz sozinho o que muitos nunca fizeram, gente admiro a força de vontade e a garra que ele tem .
    JÚLIO PARABÉNS do fundo do meu coração você é um exemplo de ser humano só de ir até um hospital e ter á preocupação de querer proporcionar um ambiente mais acolhedor você já está sendo um herói, pois a maioria das pessoas lembram dos hospitais somente quando precisam é mesmo assim reclamam e muitas vezes ofendem os funcionários que fazem de tudo para atende-los da melhor forma.
    Para finalizar gostaria de dizer que sou formada em magistério á oito anos , não estou desempregada e desde sempre gostaria de fazer algo para ajudar um exemplo :
    Ter uma oportunidade de ter uma tarde ou manhã por semana para ir até algum hospital e fazer a hora do conto na ala pediátrica com maior prazer , não tenho recursos financeiros para ajudar ,mas porém tenho meu dom de alegrar os pequenos.

    OBRIGADA. JULIANA C. FERREIRA

Deixe uma resposta

O seu email não será publicado.